DISPUTA

Ex-deputado federal do PT anuncia apoio à chapa liderada por Silvio e Iracema em 2022

Jesus Rodrigues havia deixado PT e se filiado ao PT; mas agora está sem filiação

12/10/2021 17h06
Por: Redação
63
Jesus Rodrigues: encontro com Silvio e Marco Antônio
Jesus Rodrigues: encontro com Silvio e Marco Antônio

Ex-deputado federal pelo PT, entre 2011 e 2015, o bancário aposentado Jesus Rodrigues anunciou nesta terça-feira (12) apoio à chapa das oposições, liderada pelo senador Ciro Nogueira, ex-prefeito Silvio Mendes e deputada federal Iracema Portela.

A informação partiu de Silvio Mendes, que foi prefeito de Teresina entre os anos de 2005 e 2010, quando renunciou para disputar o governo do estado. Ele agora se dispõe novamente a enfrentar uma eleição para o governo do Piauí.

“Feliz e até emocionado com o reencontro com o Jesus Rodrigues, que foi Deputado Federal pelo PT, quando saiu para o PSOL, agora sem filiação partidária”, disse Mendes. “Veio manifestar apoio às oposições em 2022.”

Silvio Mendes compartilha foto pelo WhatsApp em que aparece juntamente com Jesus Rodrigues e Marco Antônio Ayres, que foi secretário de Desenvolvimento Urbano e Habitação na gestão de Firmino Filho (2013/2020). Ele também foi secretário de Silvio Mendes.

O encontro ocorreu no escritório de Ayres. Jesus Rodrigues deixou o PT pouco antes do pleito de 2014 por entender que o então senador e candidato a governador Wellington Dias (PT) não tinha compromisso partidário. Dias havia mantido contatos sigilosos com lideranças que apoiavam Rodrigues para tomar o apoio em favor de sua mulher Rejane Dias.

A posição de Sílvio e Iracema na chapa majoritária das oposições será determinada por meio de pesquisas. Já a vaga de senador está assegurada ao prefeito do município de Floriano, Joel Rodrigues (Progressistas). (Toni Rodrigues)

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias