Sexta, 23 de Abril de 2021
86 99979-7842
Senado Federal Senado Federal

DataSenado: maioria dos brasileiros apoia ações do Senado no combate à pandemia

Pesquisa do Instituto DataSenado indica apoio dos brasileiros às iniciativas dos senadores no combate à pandemia. De acordo com o levantamento, 63...

08/04/2021 17h41
5
Por: Redação Fonte: Agência Senado
DataSenado: maioria dos brasileiros apoia ações do Senado no combate à pandemia

Pesquisa do Instituto DataSenado indica apoio dos brasileiros às iniciativas dos senadores no combate à pandemia. De acordo com o levantamento, 63% dos entrevistados consideraram muito importante a solicitação feita pelo presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, ao Congresso dos Estados Unidos, para que o Brasil possa comprar o estoque de vacinas contra a covid-19 que não tenha previsão de utilização naquele país.

info_grafico_1.jpg

A solicitação foi realizada no dia 19 de março. Pacheco afirmou que a autorização para essa compra "aprofundaria os laços de cooperação" entre os dois países e teria repercussões positivas internacionalmente, uma vez que o Brasil é, hoje, o "epicentro" da pandemia.

Além disso, a pesquisa também apontou que 96% dos entrevistados defendem a proposta de que o Senado utilize as economias do seu orçamento para auxiliar o Sistema Único de Saúde (SUS) na compra de imunizantes contra a covid-19. Medida semelhante está prevista, por exemplo, no PRS 36/2020, projeto de resolução do senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) que destina as economias do Senado ("todos os valores de sobra orçamentária do Senado Federal") do ano de 2020 para SUS.

Fraudes

Os participantes da pesquisa também demonstraram forte apoio à criminalização de fraudes cometidas por profissionais da saúde na aplicação de vacinas e medicamentos: 93% mostraram-se favoráveis a essa medida. E, dentro desse grupo, 81% acreditam que a pena deve ser aumentada caso a infração seja cometida durante campanhas de vacinação. 

info_grafico_2.jpg

A criminalização dessas fraudes está prevista no PL 505/2021, projeto de lei do senador Lucas Barreto (PSD-AP). Sua proposta visa enquadrar como crime a fraude ou a simulação de administração de medicamento ou vacina, ou sua utilização em desacordo com normas técnicas. 

Fura-fila 

Para 82% dos que responderam à pesquisa, as pessoas que "furam" a fila da vacinação, desobedecendo as regras instituídas pelo plano nacional de imunização contra a covid-19, devem responder criminalmente pelo ato.

info_grafico_4.jpg

No Senado, já tramitam propostas que dispõem sobre essa tipificação. Uma delas, de autoria da senadora Eliziane Gama (Cidadania-MA), prevê detenção, de três meses a um ano, e multa para quem burlar as regras de prioridade na vacinação (PL 15/2021).

Outro projeto de lei com esse objetivo é o PL 25/2021, do deputado Fernando Rodolfo (PL-PE), que também tramita no Senado. Essa proposta caracteriza como crime "furar" a fila da imunização contra o coronavírus, além de prever o aumento de pena no crime de perigo para a vida ou a saúde de outras pessoas. O texto também estabelece forma qualificada do crime de peculato em casos em que houver a apropriação, o desvio ou a subtração de bem ou insumo médico, terapêutico, sanitário, vacinal ou de imunização, tanto público como particular. 

Comprovante e pensão

A pesquisa também indica que 73% dos entrevistados concorda com a proposta de que a pessoa que já foi imunizada tenha de apresentar comprovante de vacinação para ter acesso a locais que prestam atendimento à população. Um projeto de lei do senador Jader Barbalho (MDB-PA), o PL 883/2021, determina essa medida para os grupos em que a vacinação já tenha sido realizada. 

Em relação à proposta de pagamento de pensão para crianças e adolescentes cujo genitor (mãe ou pai) faleceu em decorrência da covid-19, 83% dos entrevistados são a favor da medida. Esse benefício está previsto no PL 887/2021, projeto de lei de autoria do senador Rogério Carvalho (PT-SE), desde que o genitor não seja filiado ao regime de previdência social. 

info_grafico_6.jpg

A pesquisa do DataSenado foi realizada em 25 de março em todos os estados do país e no Distrito Federal, com alocação proporcional a cada unidade da federação. Foram entrevistados por telefone 1.000 brasileiros com 16 anos ou mais. O nível de confiança do levantamento é de 95%. 

Ana Luísa Santos, com supervisão de Patrícia Oliveira 

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Teresina - PI
Atualizado às 08h42 - Fonte: Climatempo
25°
Céu encoberto

Mín. 23° Máx. 32°

25° Sensação
3.4 km/h Vento
89% Umidade do ar
83% (5mm) Chance de chuva
Amanhã (24/04)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 23° Máx. 33°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Domingo (25/04)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 23° Máx. 33°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Ele1 - Criar site de notícias