Domingo, 13 de Junho de 2021
86 99979-7842
Polícia GABINETE DO ÓDIO

Samuel Silveira quer identificar autor de áudios criminosos

Ex-vereador procurou a polícia para registrar queixa e pedir total elucidação dos fatos

09/04/2021 19h18 Atualizada há 2 meses
498
Por: Redação
Samuel Silveira quer identificação de responsável e punição exemplar
Samuel Silveira quer identificação de responsável e punição exemplar

O delegado Samuel Silveira, ex-vereador de Teresina, disse que procurou a polícia para pedir que seja investigada a origem de áudio em que são feitas acusações contra a viúva do ex-prefeito Firmino Filho, morto na terça-feira (06), e o próprio Samuel Silveira.

Silveira foi vereador de Teresina pertencente à base do ex-prefeito, filiado ao PSDB. Também foi secretário em gestões de Firmino. O ex-parlamentar disse que ficou profundamente indignado com o conteúdo desses áudios que estão sendo divulgados em redes sociais de Teresina.

Segundo ele, além de ter que suportar a dor da perda de um amigo, ainda ter que aguentar esse tipo de absurdo. "É uma coisa pavorosa, que mostra o quanto pode ser cruel a espécie humana. Quem faz esse tipo de coisa tem uma alma pavorosa, atormentada", salientou o delegado de polícia.

Ele disse que registrou Boletim de Ocorrência com pedido de esclarecimento total da situação. Silveira quer que seja identificado o autor do áudio, bem como todos aqueles que o propagaram em diversas redes da capital. O delegado acredita na existência de um "gabinete do ódio" montado para destruir a imagem do ex-prefeito, mesmo depois de sua morte.

Samuel Silveira lamentou que a deputada Lucy Soares tenha que passar por esse tipo de situação mesmo depois da irreparável perda do ente querido. Segundo ele, a adversidade política ou qualquer outro tipo de animosidade não pode descer a esse nível. "É preciso que a memória do ex-prefeito seja preservada e que sua família seja respeitada. Isso não é atitude de ser humano. Quem faz isso não tem família, não tem amigos, não tem Deus no coração, e certamente pagará pelo que fez, perante a Justiça dos homems, mas também pagará perante a Justiça de Deus", enfatizou o delegado.

Setores da imprensa denunciam a existência de um "gabinete do ódio" atuando contra a memória do ex-prefeito Firmino Filho. Essas pessoas teriam atuado durante sua gestão mais recente, fazendo acusações de toda sorte, mesmo sem qualquer comprovação. As acusações continuaram mesmo depois do fim da administração tucana. 

O ex-secretário de Educação, Kleber Montezuma, que foi candidato a prefeito pelo PSDB, disse em oportunidade recente que o "gabinete do ódio" é uma realidade e tem que ser identificado e punido de forma exemplar. (TR)

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Teresina - PI
Atualizado às 02h24 - Fonte: Climatempo
24°
Céu encoberto

Mín. 23° Máx. 33°

24° Sensação
9 km/h Vento
94% Umidade do ar
90% (5mm) Chance de chuva
Amanhã (14/06)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 22° Máx. 34°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Terça (15/06)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 23° Máx. 34°

Sol com algumas nuvens
Ele1 - Criar site de notícias