Sexta, 14 de Maio de 2021
86 99979-7842
Cidades SONRISAL

Asfalto clandestino do governo estadual em Altos é levado pela água das chuvas

Prossegue o projeto de asfalto sonrisal do governo petista no Piauí; e todos aceitam passivamente

16/04/2021 07h41 Atualizada há 4 semanas
468
Por: Redação
Rua João Simeão, asfaltada recentemente, mas asfalto sonrisal não aguenta uma única chuva
Rua João Simeão, asfaltada recentemente, mas asfalto sonrisal não aguenta uma única chuva

O projeto de asfaltamento da cidade de Altos realizado pelo governo do estado não resistiu à primeira chuva. Colocado há pelo menos 1 mês na rua João Simeão, o material foi quase que completamente levado pela força das águas.

Dona Maria, residente na rua há mais de 30 anos, confirma. "Foi logo na primeira chuva. Mas também, eles não quiseram ouvir. Aqui corre um verdadeiro rio quando chove. A gente avisa e o pessoal faz de conta que não ouve. Eu disse: a água vai levar o asfalto. É na hora que chover."

A aposentada enfatiza que vive ali há muito tempo. Ela conta que a obra não aguentou uma semana. "Mas não foi por falta de aviso. Quando chove, a rua fica completamente encoberta pelas águas", disse. Segundo ela, os homens simplesmente sorriram e tocaram adiante.

_Asfalto sonrisal e apócrifo

O "asfalto sonrisal" já é uma característica do governo Wellington Dias. Não aguenta uma única chuva. Mesmo assim, ele continua fazendo a mesma coisa sempre. Com gastos de milhões que podem ser conferidos nas páginas do Diário Oficial do Estado. E também na página de licitações web do TCE/PI (Tribunal de Contas do Estado). E todos aceitam passivamente, mesmo autoridades que deveriam tomar providências diante de tamanho absurdo.

A obra também pode ser chamada de clandestina, ou apócrifa, como, aliás, a maioria das ações do Executivo estadual nos municípios. Não tem assinatura. O governador não se importa. Ele sabe que tem as costas largas. Não se sabe até quando. Mas ele faz porque entende que nada lhe acontecerá. Nenhuma placa indicando a responsabilidade pelo asfaltamento, quanto está custando para os cofres públicos, muito menos qual a data de início e prazo de conclusão. Não se informa também qual a quantidade de asfalto que está sendo despejada nas ruas e nem quais os critérios para escolha das áreas a serem beneficiadas.

Somente estes fatos já seriam suficientes para uma ação do Ministério Público do Estado, através da Promotoria de Justiça local. Ocorre que muitos têm medo da patrulha petista, que logo dirá: "Eles são contra o desenvolvimento da cidade, eles querem o pior para Altos." Ora, quem é contra o desenvolvimento de Altos é quem faz esse tipo de obra que se vê acima. O autor apócrifo dessa coisa é que deseja o pior para o município e seus habitantes. E o melhor para si.

_Obras sem qualidade ou planejamento

Parece até que o dinheiro não é do povo. Obra pública tem que ter qualidade e planejamento. Tem que saber aplicar bem o dinheiro público. São contradições do governo atual no estado do Piauí. Nenhuma obra leva em conta o princípio básico, de acordo com especialistas. Razão pela qual poucas são concluídas. E mesmo aquelas que terminam apresentam problemas consideráveis de qualificação para o futuro. Ou seja, não duram nada.

O que se vê num passeio rápido pela extensão da rua João Simeão, situada no centro de Altos, é que se trata de um prejuízo considerável. Dinheiro público jogado na correnteza, tudo por conta de uma eleição que se aproxima. Não se trata de obra pensada para ajudar a população e sim tão somente para atender ao interesse político eleitoral do governador, do seu partido e de um certo deputado sem mandato que se diz representante de Altos junto ao PT estadual. Já se fez isso antes e o Piauí continua na mesma.

_"É coisa de política"

"Isso aí parece coisa de política. Tem um tal de deputado no meio da história. Sei lá o que é...", disse Dona Maria, sorridente. Sorrindo, claro, para não chorar. Outras ruas também receberam asfaltamento. Seria muito bom se tivesse qualidade. Seria muito bom se fosse feito para durar. Mas o exemplo da rua João Simeão é apenas uma pequena demonstração do descaso que acontece em Altos e outras cidades do Piauí. 

O que sabe ao certo é que trata de uma ação meramente eleitoreira. Tem como destino certo a eleição do ano que vem. Tanto que uma ex-prefeita do PT esteve na rua Ana Raulino, também no centro de Altos, na última quinta-feira pela manhã. Ela comentou com moradores que a rua estava cheia de mato e por isso complicava o trabalho da construtora.

"Já são 100 dias de governo do atual prefeito e essa rua ainda está cheia de mato", comentou ela. Um morador, observando aquela fanfarra, rebateu prontamente. "É que tá no inverno, minha senhora, a capina é feita e o mato cresce logo. Mas a senhora precisa ver é uma pessoa passar oito anos na prefeitura e não fazer nada." A mulher, enfezada e bufando pelas narinas, saiu dali pisando firme. (Toni Rodrigues)

2 comentários
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Teresina - PI
Atualizado às 07h19 - Fonte: Climatempo
24°
Muitas nuvens

Mín. 23° Máx. 32°

24° Sensação
5.4 km/h Vento
94% Umidade do ar
80% (20mm) Chance de chuva
Amanhã (15/05)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 22° Máx. 29°

Sol com muitas nuvens e chuva
Domingo (16/05)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 23° Máx. 34°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Ele1 - Criar site de notícias